05 janeiro 2014

Vitória escapa sobre apito final imerecidamente

video

Gondomar - Académico Viseu 1:1
Golo Académico Viseu: Caiado (38 min)
Académico Viseu: Tomé; Filipe, Nuno, Costa (Patrick aos 50´) e Bernardo; Cláudio, Caiado e Miguel Silva (Tiago aos 55´); Pipo, Ângelo e Miguel Ângelo.  Golo do Gondomar aos 74´.
Suplentes não utilizados: Tiago Palhares, Leo, Lucas, Totti e Rafa
Cartão amarelo: Tomé (60 min)

O Académico de Viseu apresentou-se em Gondomar com a intenção de discutir o resultado, mesmo perante o que é o 3.º classificado do campeonato.
Bem organizada a equipa de Viseu criou as melhores oportunidades na primeira parte e só por manifesto azar Ângelo, por duas vezes, Pipo, Caiado e Miguel Ângelo não conseguiram marcar. O Gondomar só por uma vez viu a bola a rondar com muito perigo a baliza de Tomé num lance muito confuso e em que a defesa academista não foi rápida a tirar a bola da sua área.
Resultado injusto ao intervalo para os academistas.
Na segunda parte o Académico entrou confiante que podia sair de Gondomar com a vitória e logo aos 3 minutos Caiado ao primeiro poste cabeceia para o fundo da baliza da equipa da cidade capital do ouro, na sequência de um canto marcado por Bernardo.
A partir do golo academista o protagonismo do jogo passa para a equipa de arbitragem. A equipa do Gondomar a precisar da vitória para manter-se na luta pela passagem ao play off dos primeiros classificados arregaçou as mangas e começou a jogar mais no meio campo dos viseenses.
O Académico de Viseu sempre bem organizado foi dando conta do recado e em transições rápidas não dava descanso à defesa da casa. Os nervos apoderaram-se dos atletas da equipa da casa que começa a usar muita agressividade e Costa é o primeiro a sofrer uma entrada muito violenta que o árbitro ignorou e que deixou marcas obrigando o defesa academista a abandonar o campo.
Futebol direto do Gondomar é a opção e os academistas sempre bem posicionados começam a ser alvos de entradas muito duras quando tentam sair em transições e contam com a permissividade da equipa de arbitragem que assinalava só faltas para os atletas das terras de Viriato. Bernardo aos 65´e Claudio aos 68´são obrigados a abandonar o campo lesionados. Em ambos os lances o árbitro nem falta assinalou!!!
O Académico de Viseu entra nos ultimos 5 minutos só com nove atletas que tudo dão para não sofrerem o golo onde Tomé bem auxiliado vai dando para as «encomendas» e quando já estavam realizados os 4 minutos de compensação o Gondomar acaba por empatar em mais uma bola bombeada para a área e em que o avançado da equipa da casa é feliz e acaba por empatar o jogo.
Um resultado de todo injusto e em que a equipa do Gondomar vestiu o «fato de macaco» e tudo fez para marcar, mas que contou com a permissividade da equipa da arbitragem que se equivocou vezes demais e sempre contra a equipa de Viseu.
Em resumo duas equipas que estão em posições opostas na tabela classificativa mas que no jogo de hoje não se refletiu, de forma alguma, essa distância e que tudo fizeram para não perderem o jogo.
A equipa de arbitragem acaba por ter sido protagonista ao não assinalar um penalty ainda na primeira parte a favor do Académico e por no aspeto disciplinar ter sido muito permissiva e deixar endurecer o jogo. Por vezes as arbitragens estragam o trabalho de uma equipa e hoje foi mesmo isso que aconteceu, negando aos academistas uma vitória que mereciam na sua totalidade.  

Outros resultados:
Taboeira - Oliveirense 0:4
Repesenses - Avanca 0:0
Sanjoanense - Feirense 1:2
Crasto - Lusitano Vildemoinhos 3:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Feirense17152047747
Oliveirense17132235841
Gondomar171043251434
Sanjoanense17845281628
Taboeira17719253522
Repesenses17647191622
Avanca17539222718
Lusitano Vildemoinhos173311153312
Académico Viseu173311163012
Crasto17121412585