03 abril 2015

Juniores academistas eficazes arrancam bem a fase final

video

Académico Viseu - Lusitano Vildemoinhos 3:1
Golo Académico Viseu: Rafael Silva (10 e 50 min), Micoli (27 min)
Golo Lusitano Vildemoinhos: Pepe (84 min)
Académico Viseu: Elísio, Pedro Pereira (Formoso, 84 min), Pedro Santos, Eduardo, Rafael Silva (Carlos, 73 min), Rafael Barreiros, Micoli (Gonçalo, 67 min), Benjamim, Tiago, Rafael Marques, Rodrigo.
Suplentes não utilizados: Fábio, Lopes, Vasco e Mendes.
Treinador: Rui Lage e Tiago.
Lusitano Vildemoinhos: Fábio Lopes, Mauro (Pepe, 70 min), Miguel Marques, Lucas, Tiago Francisco, Daniel Pereira, Daniel Amaral, Rafael Santos, Yuri, Miguel Silva (Tiago Guerra, 23 min) e Leitão(Rui Abade, 70 min).
Suplentes não utilizados: Lucka, André Ferrão, Rafael Rolo e Hugo.
Treinador: João Costa.
Cartão amarelo:
Académico Viseu: Benjamim (38 e 61 min), Pedro Pereira (63 min), Gonçalo Sousa (71 min), Tiago (86 min)
Lusitano Vildemoinhos: Yuri (20 min), Leitão (50 min), Daniel Pereira (82 min)
Cartão vermelho:
Académico Viseu: Benjamim (61 min)
Árbitro: Bruno Pereira, Auxiliares: David Cardoso e João Casegas.

Este é o primeiro jogo da fase final do Campeonato Distrital de Juniores. Nada melhor que um grande derby para despertar atenções e isso trouxe bastante gente ao Fontelo em dia feriado.
Aos 2 minutos remate de Yuri a obrigar Elísio a boa defesa para canto. Melhor inicio de partida por parte da equipa trambela tendo mais posse de bola.
Aos 5 minutos Micoli ganha a bola em zona avançada ao defesa contrária centrando mas nenhum dos seus colegas consegue o remate final.
No minuto seguinte novamente Yuri a rematar colocado para grande defesa de Elísio.
A resposta academista dá-se aos 10 minutos com Pedro Pereira a centrar da melhor forma para a bola passar por dois defesas contrárias e ao segundo poste Rafael Silva aparece a encostar para o golo.
Aos 14 minutos lance contestado na área lusitana com a bola a ir acidentalmente à mão do defesa contrário. Parece bem ajuizado.
Apesar de uma melhor entrada do Lusitano Vildemoinhos acabe por ser o Académico a colocar-se na frente do marcador.
Aos 20 minutos Yuri é amarelado numa jogada contestada pela equipa trambela.
Sete minutos depois Micoli acredita numa disputa de bola com o guarda-redes contrário e antecipa-se a este fazendo o segundo golo na partida.
No minuto seguinte Elísio tem uma grande defesa após cruzamento de Mauro. No seguimento do lance é Yuri a rematar para nova defesa do guarda-redes academista.
O Lusitano pressiona na procura do golo que reduza a sua desvantagem e aos 33 minutos no seguimento de um canto Tiago Francisco aparece a subir mais alto que a defensiva academista a cabecear à barra da baliza local.
Partida com uma toada bastante equilibrada sem grandes momentos para ambas as balizas.
Chega-se ao intervalo com uma vantagem parcial para os academistas fruto de uma maior eficácia que souberam aproveitar as oportunidades criadas.

Começa a segunda parte sem mexidas em ambas as equipas.
Aos 50 minutos novo golo viria a surgir no seguimento de um livre a castigar falta em zona frontal sobre Micoli. Chamado a marcar Rafael Silva remata colocado fazendo o terceiro golo da equipa academista. A resposta lusitana dá-se aos 54 minutos num remate de Rafa Santos a ver o mesmo embater novamente na barra da baliza de Elísio.
Duro revés para os academistas com a expulsão de Benjamim.
Aos 64 minutos remate de Yuri para defesa atenta de Elísio. Aos 76 minutos cruzamento de Pedro Pereira para Rafael Marques assistir Gonçalo Sousa que perante Fábio Lopes vê este ultimo a ter uma boa defesa.
Aos 81 minutos remate de Pepe muito por alto mas que consegue um grande golo quando remata de muito longe a conseguir bater a oposição de Elísio.
A equipa do Lusitano Vildemoinhos tenta o golo e aos 90 minutos Yuri desmarca Tiago Guerra que em boa posição tem um pontapé na atmosfera.
Muitos passes perdidos que reduz a qualidade global da partida.
Vitória academista fruto de um melhor aproveitamento de algumas das ocasiões criadas e que permitiram obter uma vantagem preciosa que na segunda parte após a obtenção do terceiro golo e em desvantagem numérica souberam preservar de forma exímia.
Arbitragem com critério desigual em termos disciplinares na análise de lances semelhantes e que tornaram a sua missão alvo de protestos dos muitos adeptos que encheram o estádio 1º Maio tornando este jogo ainda mais especial.
Out: eficácia lusitana. Apesar de ter boas oportunidades para marcar os jogadores lusitanos não foram eficazes e veriam os academistas a mostraram mais "faro" para o golo e com isso obter uma vantagem que lhe daria a vitória final.
In: coesão academista. Os academistas mostraram uma enorme coesão e espírito de luta que os fez vencer esta partida. Mesmo em desvantagem numérica os academistas conseguiram tapar todos os espaços e com isso criar muitas dificuldades aos jogadores da equipa forasteira e assim segurar uma vantagem alcançada que lhes permite entrar da melhor forma nesta fase final da prova.



Outros resultados: 
Sampedrense - Sátão 1:0
Oliveira Frades - Molelos 2:0
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Académico Viseu1100313
Oliveira Frades1100203
Sampedrense1100103
Sátão1001010
Lusitano Vildemoinhos1001130
Molelos1001020

Sem comentários: