04 outubro 2014

Entrada infantil goleadora

video

Penalva Castelo - Académico Viseu 0:8
Penalva Castelo: Bruno Almeida, Rui Pedro, Gonçalo, João Henriques, João Almeida, João Tiago, Hélder, João Lopes, João Rodrigues, Júlio e João Fernandes.
Treinador: Fernando Coelho.
Académico Viseu: Mário, Nuno, Guilherme, Rafael, Vasquinho, Raul, Rodrigo, Pedro Farias, Diogo Gouveia, Gonçalo, Diogo Paiva e Miguel Loureiro.
Treinador: João Figueira, Vasco Dias e Zé Henrique.
Árbitro: André Amaral.
video

Os infantis academistas deslocavam-se a Penalva do Castelo para defrontar a equipa local naquele que era o jogo inaugural do seu campeonato.
Os academistas tiveram uma entrada de rompante pois logo no primeiro minuto conseguiriam marcar por intermédio de Melo a responder a um bom cruzamento de Rafael.
Aos 5 minutos Melo desmarca Rodrigo que remata forte para boa defesa de Bruno Almeida. Dois minutos depois é a vez de Rafa aparecer a rematar após passe de Melo ao qual responde da melhor forma o guarda-redes penalvense.
Os academistas dominavam por completo a partida e aos 11 minutos Rodrigo solicita bem Melo que recebe bem a bola no interior da área mas cujo remate não consegue vencer a oposição de Bruno Almeida.
No minuto seguinte Raul centra para Rodrigo aparecer a rematar com Bruno a ter uma primeira defesa e em seguida Nuno remata forte para nova defesa do guarda redes penalvense.
Contudo o marcador viria mesmo a ser ampliado à passagem do minuto quinze quando Melo desmarca bem Raul que ao entrar na área contrária remata cruzado batendo a oposição a defensiva contrária.
Três minutos depois Rafael numa jogada de insistência ganha o lance à defensiva penalvense e já no interior da pequena área "fuzila" o desamparado Bruno Almeida.
Aos 25 minutos Gonçalo leva o seu remate beijar a barra da baliza penalvense e no seguimento do mesmo Melo aparece a cabecear mas sem a melhor direcção.
Dois minutos depois Diogo Gouveia remata de muito longe batendo Bruno Almeida e assim ampliar a vantagem da sua equipa.
Já nos descontos Miguel Loureiro aparece a rematar mas Bruno não permite o golo ao avançado academista. Vantagem justa academista fruto de um domínio desde o apito inicial e que foi premiado com 4 golos.
video

A segunda parte começa com os academistas a pressionaram para ampliar a vantagem da sua equipa e aos 33 minutos Miguel aparece isolado perante o guarda-redes penalvense mas não consegue o melhor remate gorando-se assim uma boa ocasião.
Aos 37 minutos surge o primeiro remate da equipa local por intermédio de Gonçalo para defesa fácil de Pedro Farias.
Os mesmo jogadores viriam a travar novo duelo dois minutos depois com o jogador penalvense a quase surpreender o guarda-redes academista.
Aos 43 minutos centro de Raul para Diogo Gouveia aparecer a encostar fazendo o quinto golo da equipa academista.
Dois minutos depois novo golo viria a surgir quando Rafa desmarca Gonçalo que aparece em boa posição a rematar para novo golo da sua equipa.
No minuto seguinte Melo marca o canto para Gonçalo aparecer no eixo central rematando de forma colocada e assim colorir mais uma vez o resultado favorável à sua equipa.
Aos 50 minutos Rafa desmarca Raul que remata forte fazendo o oitavo golo da sua equipa.
No minuto seguinte o mesmo jogador aparece a rematar cruzado vendo o mesmo embater na base do poste da baliza penalvense.
Aos 54 minutos Rafael bem desmarcado por Gonçalo tenta a jogada individual mas não consegue dar o melhor seguimento ao mesmo.
No minuto seguinte primeiro Vasquinho e depois Diogo Gouveia vêm os seus remates embater na barra e no poste respectivamente e assim ver-lhe ser negado novo golo e desta forma o apito final chegaria com uma vitória justa dos academistas.
Vitória justa dos academistas que sempre que aumentaram o ritmo imprimido à partida conseguiram criar lances de perigo para a baliza penalvense e desta forma obter uma primeira vitória robusta.
Arbitragem sem reparos.
Out: ausência de massagista. Novo ano, mesmo problema! Não é um tema novo este mas a cada ano se torna mais incompreensível não haver uma resolução. Se posso compreender que a solução pode ser custosa nada devia ser mais importante que a saúde dos atletas que tão dignamente representam o nosso clube. Como é possível as camadas jovens do nosso clube sobretudo do futebol de 7 não terem alguém que trata das mazelas que os jovens podem sentir ao longo da partida? Será que é preciso haver alguma desgraça para tão à moda portuguesa arranjar uma solução? Uma palavra de agradecimento ao massagista do Penalva Castelo que se mostrou prestável na resolução dessas situações.
In: movimentações academistas. Os academistas apesar de estarem a realizar o seu primeiro jogo oficial mostraram já um bom entrosamento e quando aumentaram o ritmo e a pressão colocaram dificuldades à equipa penalvense. Disso resultaram os 8 golos alcançados e dai uma vitória que não merece contestação.



Outros resultados:
Repesenses - Dínamo Estação 7:1
Quintela Orgens - Santo André 2:1
Viseu Benfica - Viseu 2001 3:4
Lusitano Vildemoinhos - Vouzelenses 6:1
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Académico Viseu1100803
Repesenses1100713
Lusitano Vildemoinhos1100613
Viseu 20011100433
Quintela Orgens1100213
Viseu Benfica1001340
Santo André1001120
Vouzelenses1001160
Dínamo Estação1001170
Penalva Castelo1001080