25 outubro 2015

Vitória benfiquista em jogo de muito nervo

video

Académico Viseu - Viseu Benfica 3:5
Golo Académico Viseu: Bernardo (11 min), Carlos (51 min), Rafael Correia (55 min)
Golo Viseu Benfica: Viriato (14 min), Gonçalo (23, 26 min), Caldeira (31 min), Viriato (60 min)
Académico Viseu: Rafael Correia, Tiago Varela, Carlos, Jéssica, Filipe, Tomás, Bernardo, Martim, Miguel Miragaia, Edgar, Francisco Santos e Rodrigo Santos.
Treinador: Fábio.
Viseu Benfica: Gui Rocha, Viriato, Rodrigo Amaral, João Pedro, Caldeira, Rodrigo Martins, Carvalhinha, David, Gonçalo Almeida, Gonçalo Nunes, Gabriel Costa e Telmo.
Treinador: Leão.
Cartão amarelo:
Académico Viseu: Bernardo (16 min)
Árbitro: Paulo Amaral e Dylan Fernandes.
video

Os infantis academistas após folgarem na jornada anterior defrontam a equipa do Viseu Benfica.
Início de partida com mais posse de bola dos benfiquistas a empurrarem os academistas para terrenos mais atrasados do qual saiem em rápidos contra-ataques.
Aos 6 minutos primeira grande oportunidade para o golo quando Viriato sobre a linha final centra bem e vê a bola passar toda a linha de golo sem nenhum colega conseguir o toque para o golo.
Três minutos lance contestado na área benfiquista com Bernardo a entrar bem na área benfiquista parecendo ser tocado em falta. Contudo em cima do lance o árbitro manda seguir o lance, ficando a dúvida.
Aos 11 minutos o marcador viria a ser inaugurado numa grande penalidade a castigar falta sobre Martim. Chamado a marcar Bernardo remata forte de nada valendo a defesa ainda de Gui Rocha.
Dois minutos lance de perigo num livre marcado por Viriato ao qual Rafael Correia responde com boa defesa.
Aos 14 minutos surge o empate de forma justa num canto marcado por Gabriel Costa com a bola a chegar a Viriato que remata forte e colocado para o golo.
Partida bastante disputada e de muito frenesim também nas bancadas.
Os academistas parecem algo afastados do jogo e aos 23 minutos a cambalhota no marcador viria a acontecer num lance de bola parada com a bola a chegar a Gonçalo que remata cruzado fazendo o golo.
Aos 26 minutos novo golo benfiquista quando num lançamento lateral bem marcado por Viriato a bola chega a Gonçalo que isolado faz o remate que resulta no terceiro golo forasteiro.
Chega-se ao intervalo com uma vitória parcial dos benfiquistas que se ajusta ao maior ascendente da equipa vermelha.

Aos 31 minutos Caldeira consegue ser mais forte que Jéssica e perante Rafael Correia faz o golo. No minuto seguinte Gonçalo Almeida tem um centro atrasado com Gonçalo Nuno a rematar ao poste da baliza academista.
Quatro minutos depois Edgar desmarca bem Bernardo que remata perto da baliza benfiquista. Os academistas têm mais posse de bola e procuram o golo mas por vezes sem o melhor discernimento.
Aos 42 minutos remate forte de Viriato ao qual Rafael Correia responde com boa defesa. Cinco minutos depois Simão Carvalhinha sobe bem no terreno e obriga Rafael a boa defesa. No minuto seguinte é David a obrigar o guarda-redes academista a nova boa defesa.
Aos 51 minutos lançamento longo de Rafael Correia a desmarcar Carlos que se superioriza ao seu adversário e faz o golo que anima os academistas.
A emoção no resultado aumenta quando num livre marcado de forma eximia que resulta no terceiro golo da equipa academista.
Aos 58 minutos lançamento lateral de Viriato com Simão Carvalhinha a cabecear ao poste.
Grande penalidade a castigar falta de Bernardo. Chamado a marcar Viriato faz o golo que coloca o ponto final no resultado.
Aos 62 minutos remate de Rafael Correia à barra e na sobra o avançado academista não consegue o golo final.
Péssima arbitragem que foi acumulando vários erros em prejuízo de ambas as equipas tornando-se o ponto negativo desta partida.
Out: dupla de arbitragem. Sei que todos erram mas a dupla de arbitragem esteve menos bem e acumulou muitos erros em prejuízo de ambas as equipas e com isso o seu trabalho foi o foco de contestação. 
In: emoção. Foi um jogo nem sempre bem jogado mas com muita raça e querer de ambas as equipas. A emoção esteve sempre presente e o resultado este em aberto quase que até ao apito final.
Melhor em campo: Viriato. Um jogador forte fisicamente e que sabe bem os terrenos que pisa tanto a defender como a atacar. Foi um patrão da sua equipa e a sua exibição viria a ser coroada com o golo que sentenciou a vitória da sua equipa.

Outros resultados: 
Dínamo Estação - Viriatos 4:3
Pinguinzinhos - Penalva Castelo 2:1
Sátão - Vouzelenses 6:0
Oliveira Frades - Viseu 2001 3:4
Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Pinguinzinhos440017212
Dínamo Estação440018512
Sátão440017812
Lusitano Vildemoinhos32101957
Viseu 2001410310133
Viseu Benfica 31027103
Académico Viseu310211103
Viriatos2011561
Oliveira Frades20025100
Penalva Castelo30034140
Vouzelenses 40041310

Sem comentários: